Prefeito de Pariconha se reúne com os servidores da educação que ficaram sem receber em dezembro

Categoria receberá dia 30 deste mês uma parte equivalente a cerca de 60% do salário em atraso e também será antecipado o salário referente a janeiro

Foto: Assessoria

Acompanhado da equipe jurídica do município e de técnicos da Secretaria Municipal de Finanças, o prefeito de Pariconha, Tony, se reuniu nesta sexta-feira (22) com representantes dos 157 servidores municipais da educação que ficaram sem receber seus salários referentes ao mês de dezembro de 2020.

Durante a conversa, o prefeito explicou que devido a burocracia do Banco do Brasil para ter acesso às contas da prefeitura demorou a ter conhecimento de que há na conta da Educação apenas R$ 205 mil para pagar à categoria, valor este que não é suficiente para quitar a folha completa de dezembro do ano passado.

Diante da situação, mostrando os extratos bancários para os representantes da categoria, Tony propôs utilizar todo o recurso em conta para pagar proporcionalmente parte do salário dos servidores em atraso, ou seja, a categoria receberá dia 30 deste mês uma parte equivalente a cerca de 60% do salário em atraso e também será antecipado o salário referente a janeiro, que seria pago regularmente apenas dia 10 de fevereiro.

O prefeito ainda propôs que o pagamento do restante do débito voltasse a ser discutido em uma nova reunião pré-agendada para o próximo dia 3 de fevereiro. Tony deixou claro para a categoria que é compromisso dele regularizar e honrar com todos os pagamentos.


Vendo que o prefeito foi transparente e entendendo a situação financeira imposta a ele, os representantes dos servidores da Educação aceitaram a proposta do prefeito, com isso, no próximo dia 30 além de terem o salário de janeiro antecipado ainda vão receber a maior parte do salário atrasado de dezembro.


"Salário é coisa séria e todo o esforço da gestão municipal será feito para cumprir essas obrigações. Agradeço a compreensão da comissão e de todos os servidores que, agora, podem ter a certeza que estarão recebendo pelos dias que trabalharam em benefício da população de Pariconha”, destacou Tony.

Tony ainda avisou aos 237 servidores de outras categorias que também ficaram sem receber os salários de dezembro que está organizando para breve uma reunião com eles para discutir uma proposta de pagamento. "Ninguém vai ficar sem receber seu salário, isso podemos garantir", concluiu Tony.


Fonte: Assessoria

nike_banner.jpg